Siga o Portal do Holanda

Conferência evangélica em Manaus expõe pensamento arcaico e o atraso da igreja pentecostal

Publicado

em

Os evangélicos sempre foram uma força propulsora  da esperança e da transformação do homem em sociedade. E seguiam a regra de que “Cristo é perdão”.  Mas vêm mudando ao sabor do espectro político. A 5a Conferência da Frente Parlamentar Evangélica realizada em Manaus mostrou uma perigosa mistura da igreja  com o pensamento arcaico  do governo Bolsonaro.

O fato de ser  um encontro de Frente Parlamentar Evangélica não significa levar a igreja  pentecostal ou neopentecostal para o atraso do pensamento político, mas colocar os evangélicos como  propulsores de uma nova ordem - onde o cidadão deva ser tratado não por ser diferente, mas porque é humano, tem direito a optar por uma religião, uma ideologia e deve gozar de todas as demais liberdades, inclusive a liberdade sexual, atacada pelo ministro  da Educação - imaginem,  da Educação! - Abraham Weintraub.

"Ou é XY no DNA e se for fêmea XX. Mas se te disserem, ah, mas eu não tenho ‘pipi’. Tudo bem, você pode ser um XY macho que nasceu sem ‘pipi’. Agora, se você tem atração por outro sexo, vou tratar a pessoa com todo o respeito.” Mas que respeito? Esse ministro não respeita a liturgia do cargo que ocupa.

E não foi só essa lamentável atração da  5a Conferência da Frente Parlamentar Evangélica. Damares Alves, a polêmica ministra da Mulher, Família e dos Direitos Humanos, se sente honrada com o fato de ser chamada de “Bolsonaro de saia”. Damares fez uma declaração no mínimo ridícula. Disse que muita gente está querendo matá-la  “porque sou uma branca cristã que prega valores.” Mas quais valores ?


+ BASTIDORES DA POLÍTICA

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

Copyright © 2006-2019 Portal do Holanda.